segunda-feira, 25 de novembro de 2013

Será que estou preparado?

Este fim de semana foi de emoções!

Cansado como estava, aproveitei o sábado para dormir até tarde. Literalmente. Acordei a horas de se ir dormir a sesta, e foi isso mesmo que fiz. Voltei a acordar à hora de se jantar e saí da cama. Lá pelas 21h recebo uma mensagem: "Amanhã vem ter comigo depois das 18h. Beijinhos". A minha menina do talão. Provou e gostou. É normal.

Domingo dormi menos. Já tinha dormido tudo no sábado e estava em pulgas para ir ter com ela. Depois de almoçar e tomar um banho, sentei-me a ver tv à espera que fosse a hora de ir ter com ela. Ansioso como estava decidi ir mais cedo. Saí de casa e quando cheguei ao prédio dela eram 16:37. Ia tocar à campainha, mas lembrei-me que a vi marcar o código e como ela podia ainda não estar em casa, marquei-o e entrei no edificio. Subi até ao andar dela e preparava-me para esperar à porta quando ouço barulho lá dentro. Se ela lá estava, mais valia tocar à campainha. Toquei e tapei o buraco por onde se espreita, como faço sempre, para a surpresa ser ainda maior. Ela abre e fica com cara de muito surpreendida quando me vê. Ficou mesmo sem palavras. E quando o fez foi para dizer que não me esperava tão cedo. Disse-lhe que queria surpreendê-la. Quando pedi se podia entrar ela disse-me para esperar um pouco. Encostou a porta e apareceu passado 2 minutos com um gajo. Disse-me que era um técnico da Meo que estava ali a resolver uns problemas com o aparelho dela e que foi por isso que disse para eu aparecer mais tarde. Eu olhei bem para os dois e já que ali estava o gajo, aproveitei para lhe perguntar sobre como é que fazia para cancelar o meu serviço da Meo e ele não me soube responder. Depois perguntei-lhe se ele sabia se a zona da casa dos meus pais tinha cobertura de fibra e também não me soube responder. Pedi-lhe se me dava o numero de apoio ao cliente e nem isso me soube dizer! Só então é que reparei que o gajo nem sequer levava ferramentas para arranjar fosse o que fosse na casa dela. É por estas e outras razões é que eu quero terminar o meu vinculo com a Meo. São uma cambada de incompetentes!

O gajo finalmente foi embora e eu fiquei só com ela. Fomos para o sofá e a sala estava uma confusão. Ao menos que o gajo tivesse arrumado a sala. Até o comando da Zon estava debaixo do sofá! Conversámos um pouco e começámos nos melos. Mãos para um lado, linguas para o outro, muita saliva, pouca roupa e sexy time durante uns belos 4 minutos. Depois disso, conversámos mais um pouco e foi quando ela disse que tinha uma coisa importante para me contar. Começou a dizer que desde que me tinha visto que só tinha pensado em mim, que eu não lhe saía da cabeça, que, inclusivamente, se masturbava a pensar em mim e que acha que temos uma química super espetacular. Eu não podia concordar mais com ela. Disse-me que me adorava e que já conseguia imaginar-nos juntos durante muitos anos. Eu fiquei feliz. Depois disse-me que ela era uma rapariga que pressentia certas coisas, que conhecia muito bem o seu corpo e que lhe parecia que estava a sofrer transformações. Disse-me também que sentia que eu era um homem possante e viril, imparável e cheio de uma força interior e espiritual muito intensa. Disse-me que isto tudo junto podia fazer com que, em certos casos, o preservativo não fosse suficiente para evitar certas coisas e que ela sentia que podia estar grávida, embora sem ter a certeza disso. Mas que podia haver essa possibilidade e que se dentro de duas semanas não lhe aparecer o periodo, fará o teste.

Eu fiquei sem saber o que lhe responder. A verdade é que eu sei que às vezes o preservativo não é suficiente e todas aquelas cenas sobre eu ser forte e possante e viril e tal, já eu as sabia. Depois abracei-a e disse-lhe que ia correr tudo bem e que se fosse esse o caso, estaria ali para a apoiar. Sei que pode parecer cedo e rápido tudo isto, que nós nos conhecemos há pouco tempo, mas às vezes as coisas acontecem por uma razão e, às vezes, essas coisas acabam por ser o melhor que nos podia acontecer. Vamos esperar e ver no que dá.

23 comentários:

  1. Respostas
    1. Ainda vão ser gémeos!

      Eliminar
    2. Não!!! Trigémeos!!!!
      :D :D :D :D

      Ainda vamos ter de fazer uma vaquinha para ajudar o Mustache a pagar as fraldas...

      Eliminar
    3. Pelo menos o dele será fácil de perceber: pelos bigodes :D

      Eliminar
    4. Não estou a entender?
      Porque é que haveria de ter trigémeos?

      Mas ajuda para as fraldas, caso ele venha a caminho, aceito.

      Eliminar
    5. Oh... Esquece!! Nós estamos doidinhas...

      :p :p

      Eliminar
    6. Ooh explica lá..

      Eliminar
    7. Mustache querido... Alguém tem mesmo de te dizer alguma coisa... Tu não achas estranho o tipo ser da Meo e o comando da Zon?! Ali o anónimo foi muito duro contigo... Mas é isso!

      Eliminar
    8. Agora que falas nisso... se calhar está a mudar de operadora..

      Eliminar
    9. Se calhar mudou mais coisas entretanto e tu não deste conta lol mas olha, caso venha um Bigodinhos a caminho, nós até nos oferecemos para madrinhas.. Não será por um Kinder dos grandes que ficarei mais pobre e a criança não tem culpa dessas complicações todas com tantos operadoras ou operadores lol

      Eliminar
    10. Sim, podes contar comigo também! A criança realmente não tem culpa das confusões dos pais!

      Eliminar
  2. Ela por acaso não me pressente os chave vencedora do milhões?

    Quando for para dar os parabéns avisa.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vou falar com ela sobre isso.. :)

      Avisarei! :)

      Eliminar
  3. Quando voltares a ver o Sr. do Meo dá-lhe os meus parabéns...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Porquê? A Meo não vale nada!

      Eliminar
  4. Anónimo20:48:00

    Oh Musta, tu na percebes nada de mulheres, vou fazer a tradução.

    "Disse-me que era um técnico da Meo que estava ali a resolver uns problemas com o aparelho dela"

    O aparelho que ela se referia, era o aparelho reprodutório.

    É melhor arranjares outra "vitima", está claro que essa requisita muita assistência técnica, se vires por ai um funcionário da CABOvisão não estranhes, tá?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mas se ele não levava ferramentas nenhumas, nem sequer um estetoscópio, como é que podia estar a tratar do aparelho reprodutório dela?

      Opá, cabovisão é ainda pior! espero não ver lá nenhum!

      Eliminar
    2. Anónimo18:01:00

      o.0 Ele levava a "ferramenta"... dentro das calças!

      Tens que alertar a tua "amiga" que o "abastecimento" é feito nas bombas de gasolina do trabalho, não é na casa dela...

      Eliminar
  5. Vais ser pai? Vem pequeno bigodes a caminho? :)

    ResponderEliminar
  6. Começo a ficar preocupada: até no que inventas és infeliz! LOL

    ResponderEliminar

Não é por nada, nem quero influenciar ninguém, mas diz que quem comentar neste blog, é uma pessoa espetacularmente espetacular!