sexta-feira, 3 de julho de 2015

No Sushi Fest, tal como nisto dos blogues...

Diz que quem foi ao Sushi Fest, no primeiro dia, que esperou cerca de 3horas para comer um nigiri e nem o conseguiu cheirar, e mais 1hora para tentar escrever uma reclamação, sem o conseguirem, saindo de lá a sentirem-se defraudados.
E eu lembro-me logo de alguns blogues que escrevem 2 folhas A4 de texto, começando com uma vaga ideia que me entusiasma mas, chegando ao fim, não tem conteúdo algum.

10 comentários:

  1. Acabei há pouco de ler a notícia e, confesso, que já esperava por isto. As expectativas depositadas eram muitas, logo é evidente que a afluência de público seria igualmente gigantesca. De facto, a organização não estava de todo preparada para isto e o resultado está à vista, filas intermináveis, reclamações idem e agora terão de reembolsar muitos clientes. Além disso, não estamos a falar de bilhetes baratinhos... Que lhes sirva de lição.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É quase o mesmo que eu organizar um festival de dá notas de 50€, o bilhete custar 70€ e depois eu não ter notas suficientes porque pensei que não fosse ter muita afluência. :)

      Eliminar
  2. Eu, rapaz, descendente desse mui nobre povo Japonês (4ª geração) o que ainda me deixa um bocado de olhos em bico, não consigo perceber a estranha fixação que se criou à volta de um pedaço de peixe cru com arroz...

    Tragam mazé um bife à Portugália ou uma boa posta de bacalhau à lagareiro e aí já se fala de alguma coisa de jeito, agora Sushi?!?

    Gaahhhh!

    :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Confesso-me um grande apreciador da comida japonesa, mais o sashimi que o sushi. E já o era antes de ser moda comer peixe cru. Tal como já era corredor antes da moda de se ser runner.

      Mas, se me meteram um bom naco de novilho, quase em sangue, à frente, nem penso duas vezes!

      Eliminar
    2. Concordo em absoluto com o C.N.Gil, no que à comidinha diz respeito. Quanto à parte dos blogues, nunca leio posts com mais de uma dúzia de linhas (pronto, o C.N.Gil é a minha excepção). Faz-me doer a vista.

      Eliminar
    3. Nem mesmo os meus posts mais longos? :(
      (o que vale é que tenho escrito menos, em menor quantidade, mas com maior qualidade)

      Então está decidido, quando for para os teus lados, pagas o almoço.

      Eliminar
    4. Mas tu tens posts com mais de uma dúzia de linhas? Até podes ter, mas como as tuas linhas são super estreitinhas, admito as vinte e quatro, vá. ;)
      (confesso que quando te entusiasmas demais com essa coisa das maratonas, desligo um tico :p)

      Ei! Pagamos a meias, assim é que é. :)

      Eliminar
  3. O que vale é que o bilhete era barato...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É como isto dos blogues: o que vale é que são de borla. :)

      Eliminar
  4. Fosga-se, ainda bem que não como sushi nem tenho paciência para grandes testamentos...

    ResponderEliminar

Não é por nada, nem quero influenciar ninguém, mas diz que quem comentar neste blog, é uma pessoa espetacularmente espetacular!