sexta-feira, 24 de abril de 2015

"Não és tu, sou eu."

Tatiana: Ildeberto, temos de acabar!
Ildberto: O quê? Mas por quê?
Tatiana: O problema não és tu, sou eu. Os meus ouvidos fazem-te soar chato e sem interesse e os meus olhos fazem a tua cara parecer feia e estúpida.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Não é por nada, nem quero influenciar ninguém, mas diz que quem comentar neste blog, é uma pessoa espetacularmente espetacular!