quarta-feira, 21 de agosto de 2013

Memória de peixe..

Agora que toda a gente já se esqueceu, eu só quero relembrar que há uns meses o povinho crucificou uma menina tuga que numa entrevista disse que sonhava comprar uma mala Chanel que custa cerca de 3000€ (três mil euros) e que isso foi uma ofensa para a situação que os portugueses vivem; e que agora um menino brasileiro que gastou 300000€ (trezentos mil euros) numa festa de aniversário já é o maior da estrebaria e que, por isso, gasta o dinheiro dele onde e como quiser.

Relembro ainda que a menina teve que ir à televisão pedir desculpa pelo seu sonho e que o menino foi à televisão para passar a herói nacional.

Só me apraz dizer que mais depressa batemos nos filhos que nos enteados.

Ou isto é como nos roubos, em que se roubas um pão porque tens fome vais preso 10 anos, mas se roubares milhões de euros vais para casa e ainda com uma indemnização por difamação de bom nome?

19 comentários:

  1. Esta gente parece que não tem problemas na vida. Precisam de escalpelizar a vida dos famosos para encontrarem o verdadeiro sentido das suas vidas.
    E afinal, parece que a moça ainda não conseguiu juntar dinheiro para a mala.
    Se quiser "mamala", vai ter que dar muito ao coiro. Ahahah

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. "Famosos", "estrelas", queres tu dizer...
      Pois, parece que é mais difícil trabalhar para juntar dinheiro do que nascer já com ele todo a sair do cú..

      Eliminar
  2. baieee Musta! i´m with you

    ResponderEliminar
  3. Agora é a sério: casa comigo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olha que eu aceito, aliás, vou aceitar mesmo! :)

      Eliminar
  4. Devo ter percebido mal a polémica então... É que no meu ponto de vista a escandaleira começou única e exclusivamente por causa do tom arrogante e da total ausência de profissionalismo (e moral, se vamos entrar por ai) da jornalista. E não pelo que o rapazinho gastou ou não.

    E não se podem comparar as situações, a meu ver. Mas como em tudo na vida: opiniões são opiniões :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu também percebi a polémica por ai.

      Eliminar
    2. Para mim, tudo isto começou quando decidiram fazer da festa de aniversário de um John Doe, um acontecimento digno de noticia nos jornais televisivos. E já nem falo da parte jornalística da situação, porque isso já foi mais do que falado. Agora, como disse, falo do povinho, que vem defender quem foi "atacado". Se este foi "atacado" por uma jornalista, a outra jovem foi atacada pelo próprio povo, por quem agora acha que se ele é rico pode gastar o que quiser e como quiser sem ninguém ter direito a opinar.

      A Pêpa queria comprar uma coisa, fútil ou não, com o dinheiro proveniente do seu trabalho, do seu esforço. O gajo (não me lembro o nome nem vou googlar) deu uma pequena festa milionária, com o dinheiro que gerações anteriores a ele se esforçaram e lutaram por juntar, sem que saiba o que custa juntar algum, seja para uma coisa útil ou fútil.

      Por isso, claro que podes comparar as situações. Ambas foram noticia porque uma pessoa quis gastar dinheiro, do seu, que a maioria das pessoas acha uma ofensa que se gaste nos tempos que correm. Mas a miúda portuguesa que trabalha e sonha foi achincalhada em praça pública e o miúdo brasileiro que estala os dedos e lhe cai um anel de 20mil euros com a medida errada foi elevado a herói.

      Eliminar
    3. Alto lá, mas o Lorenzo não é propriamente um gajo que não faz nada.

      Primeiro que tudo, ele vive em Portugal já faz um ano e meio e até à festa ninguém sabia quem ele era. E se ele gasta 20.000 num anel é porque pode. Não só por causa do dinheiro da família, mas também pelo emprego que tem: é que não imagino que a Ferrari, mesmo no GT3 pague pouco.

      E não sei se vocês sabem, mas o Lorenzo foi à SIC e não recebeu o mesmo "tratamento" que recebeu na TVI.

      Eu continuo a dizer que claro que esbanjar 300.000€ numa noite nada tem de certo nos dias que correm, especialmente andando isso escarrapachado em tudo o que é sítio, MAS, gostava de ver a Judite de Sousa a atacar os políticos que entrevista da mesma maneira que entrevistou este gajo.

      E acho que agora até é possível, que ela descobriu que andava a ser encornada, porque para além daquela raiva toda, aquilo também era a líbido a querer saltar para cima dele XD

      P.S: A Judite ganha 24.000€ por mês, perto lá está dos 300.000€ ano, cheira-me a azia.

      Eliminar
    4. E acho que não lhe ficou nada mal aquilo que fez, basicamente pagou a conta dos amigos todos, coisa que acontecia antigamente: quem convidava era quem pagava.

      Eliminar
    5. O Diogo já disse o que eu ia dizer.

      Eliminar
    6. Eu não estou a dizer que o gajo fez mal em alguma coisa, só acho que nada disto merecia ser noticia, e depois ao ser, e ao ver o povo a defender o gajo, não consegui não pensar no que fizeram à outra miuda.

      E tal como disse, estava a pôr de parte a vergonha jornalistica que foi a entrevista da TVI (e o jornalismo em Portugal, ultimamente) e focava-me só mesmo nas opiniões das pessoas.

      Eliminar
    7. aah e no ultimo aniversário em que fiz festa e jantar com os amigos, não paguei tudo, porque não sou rico, mas o menu era 25€ por pessoa e eu paguei 5€ de todos e ainda as bebidas de entrada e mais umas rodadas after dinner! Não sou rico para pagar tudo, mas se é a minha festa, gosto de oferecer umas coisinhas!

      Eliminar
  5. A minha opinião sobre o Lorenzo VS Judite, já a dei no meu blog e tu já leste.
    Quanto à Pepa: na minha opinião, o que ficou mal foi ter isso numa publicidade, porque NA MINHA opinião a campanha estava toda ela desastrosa e foi toda uma combinação de factores que acabaram mal.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, e concordo com o que lá disseste, mas aqui, neste post, remeti-me apenas ao plano das vozes do povinho..

      Eliminar
  6. Concordo plenamente. O que cada um faz com o seu dinheiro - desde que seja mesmo seu - é problema de cada um. Nem um nem outro são heróis ou vilões.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não o são, mas a miuda foi cruxificada e este menino eleito herói.
      Enfim, é o que temos por cá..

      Eliminar
  7. Acabei de escrever sobre isto, e fiz a mesma comparação que a meu ver é bastante relevante...

    O alarido que foi criado em torno de toda esta história, é que é enfim, é mais do mesmo...

    ResponderEliminar

Não é por nada, nem quero influenciar ninguém, mas diz que quem comentar neste blog, é uma pessoa espetacularmente espetacular!